Proteja sua saúde mental

Manter a saúde mental em dia nesse período de tantas restrições e de muita saudade pode ser algo complicado. Reunimos aqui algumas dicas para manter a sanidade e a calma durante o isolamento social. O importante é sabermos que tudo isso vai passar e que, colaborando com os processos de higiene e segurança, estaremos ajudando não somente a nós mesmos, mas toda a comunidade. Confira:

– Cuidado com o excesso de informações: tente não ficar conectado o tempo todo com as notícias. Se perceber que isso te deixa mal, dê um tempo. Filtre a qualidade e a quantidade das informações que recebe e, se possível, partilhe histórias positivas. É importante estar muito bem informado, sim, mas por meio de veículos de confiança e não alarmistas.

– Faça coisas que gosta: ouvir uma boa música, fazer um curso on-line, fazer aquela leitura que você está adiando, assistir aquela série ou filme que te recomendaram são sugestões.

– Aproveite para colocar coisas em ordem: arrumação de armário, organização de arquivos no computador e de e-mails ou cuidar das plantas da casa. Fazer isso pode ajudar a relaxar e ocupar a mente.

– Conecte-se com pessoas: tire uma parte do seu dia para conversar com outras pessoas on-line e interagir com os que estão na sua casa. Seja para falar sobre trabalho, estudo ou como está se sentindo. Não se isole e peça ajuda se precisar.

– Cuide do seu corpo: tente praticar exercícios físicos e se alimentar de forma saudável. Relaxar, meditar e fazer um alongamento fazem diferença na saúde física e mental.

– Pratique a resiliência: tente perceber o que pode aprender com tudo o que está passando, olhe a situação de forma realista sem entrar em pânico. Descubra qual o seu melhor jeito de passar por tudo e lembre-se que isso não irá durar para sempre.

– Tente estabelecer uma rotina: procure fazer coisas nos mesmos horários, criando uma rotina de trabalho e autocuidado. Isso ajudará o dia a acontecer de um jeito mais organizado e tranquilo.

 

 

 

 

 

Medical photo created by freepik – www.freepik.com

Dicas financeiras pra enfrentar o momento atual

O atual cenário financeiro não é dos mais favoráveis, com indústria e comércio fechados ou voltando lentamente às atividades, sem contar os autônomos. Muitos profissionais estão impedidos de exercer seu trabalho de maneira normal, o que afeta nos rendimentos da casa. Confira algumas atitudes essenciais para manter a saúde financeira.

O primeiro passo é analisar as despesas e cortar gastos desnecessários, deixando crédito livre para gastos essenciais. Por isso, por mais que aquelas promoções pareçam imperdíveis, fazer muitos de parcelamentos de roupas e eletrônicos, por exemplo, não é o ideal em momento de crise. Ter crédito é algo que ajuda muito, mas é necessário utilizá-lo de maneira responsável e com muito planejamento.

Não faça estoques, compre apenas o necessário e compartilhe o que for possível. É hora de fazer uma economia colaborativa, ou seja: se você tem potes de álcool gel sobrando, compartilhe com o vizinho. Se você mora próximo de pessoas idosas, ofereça-se para ajudar nas compras do supermercado. O momento é de união, de ajudar o próximo, evitar fazer estoques e comprar só o que for preciso realmente. Isso é mais do que finanças, é empatia também.

Para os trabalhadores autônomos, a dica é negocie com os clientes o recebimento adiantado pelos serviços e vá remarcando as datas. Assim, você continua ganhando dinheiro para pagar as contas fixas e, quando a crise passar, você presta o serviço acordado.

 

 

 

Business photo created by jcomp – www.freepik.com

O estresse e o nosso corpo

Não é fácil assim nos dias de hoje se manter zen, super calmo e levando tudo na maior tranquilidade. Às vezes, o estresse vem mesmo com tudo. E, às vezes, a nossa personalidade é assim mesmo, com o pavio um pouco mais curtinho.

Porém, quem vive estressado precisa lembrar que tudo isso pode (e vai) ter volta: o corpo responde a tudo! Saiba mais sobre os efeitos que isso pode trazer ao seu corpo.

Imunidade baixa
O estresse libera um hormônio chamado cortisol, que causa fadiga e afeta a imunidade. Quando a pessoa está com um nível de estresse muito alto, fica doente constantemente.

Doenças de pele
Quando algo dentro do nosso corpo não anda bem, isso acaba se manifestando externamente. Quando estamos estressados durante um longo período, alguns sintomas começam aparecer. Na pele pode se manifestar através de placas vermelhas, eczemas ou até mesmo alergias.

Desequilíbrio de peso
A pessoa estressada pode perder e ganhar peso num curto espaço de tempo já que, em momentos em que o estresse está mais latente, hormônios como cortisol e adrenalina são liberados e influenciam diretamente na nossa vontade de comer.

Queda de cabelos
Sabia que ficar estressado afeta o nosso cabelo? Pois é, ele faz com que o curso natural sofra uma quebra, gerando uma queda considerável. Normalmente não é um sintoma que aparece rapidamente, podendo levar até três meses para se manifestar.

Problemas de estômago
O estresse gera uma elevação na quantidade de ácidos no estômago, podendo gerar enjoos, gastrite nervosa, vômitos e, em casos mais agudos, uma úlcera. Influencia também na desregulação do intestino.

Problemas de memória
Estar muito estressado faz com que nossa memória fique bastante fraca, pois ele eleva a quantidade dos chamados glicocorticóides no cérebro, dificultando a capacidade de guardar informações.

Dor de cabeça
O estresse contínuo provoca uma pressão nos ombros e no pescoço, levando ao estreitamento dos vasos sanguíneos e diminuindo a passagem do sangue que vai para o cérebro. Isso gera uma dor de cabeça muito forte e pode afetar também o sono, levando a pessoa a ter insônia.

 

 

 

 

Hand photo created by drobotdean – www.freepik.com

Receitas para passar bem no Carnaval

Carnaval não é só muitos bons drinks e samba no pé. Também é prato cheio pra ter energia pros bloquinhos e folia. Ou, ainda, para aproveitar o momento para descansar e curtir a folga com a família. Separamos algumas receitas para refrescar e dar energia: temos lanche, salada e até sobremesa.

Abram alas para nossas dicas e confira abaixo!

SALADA CURA RESSACA

Ingredientes
1 xícara de repolho cortado em tiras finas
1 xícara de brócolis picado cozido no vapor
1 kiwi fatiado
1/2 limão siciliano
1 colher (chá) de alecrim
1 colher (chá) de semente de girassol
1 colher (sopa) de amêndoas
1 colher (chá) de azeite extra virgem
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo
– Acrescente o limão e o sal no repolho picado e deixe marinar por 30 minutos.
– Retire o excesso de líquido e disponha em uma tigela ou saladeira individual. Por cima, acomode o brócolis, e o kiwi fatiado.
– Acrescente 1 fio de azeite, mais uma pitada de sal, o alecrim, a chia, a semente de girassol e as amêndoas. Está pronta pra servir.

 

SALPICÃO NO PALITO

Ingredientes
300 g de cream cheese
1 xícara de maionese
2 peitos de frango cozidos e desfiados
1/2 xícara de milho
1/2 xícara de ervilha
1/2 xícara de cenoura ralada
1/2 xícara de uvas passas brancas
1 talo de salsão picado
Sal a gosto
Pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo
– Misture o cream cheese com a maionese e reserve.
– Em um outro recipiente, misture o frango, o milho, a ervilha, a cenoura, as passas e o salsão.
– Tempere com sal e pimenta-do-reino.
– Junte a mistura de cream cheese com maionese e mexa bem.
– Comece o sanduíche com uma fatia de pão de forma, recheie e coloque outra fatia.
– Com os sanduíches prontos, corte quadradinhos e insira os palitos em cada um.

 

CHICABON CASEIRO

Ingredientes
2 xícaras de leite
200 g de creme de leite
5 colheres (sopa) de chocolate em pó
1 xícara de doce de leite

Modo de preparo
– Bata os ingredientes no liquidificador até ficar homogêneo.
– Coloque a mistura nas forminhas de picolé.
– Leve ao freezer por seis horas.

 

 

 

Background photo created by valeria_aksakova – www.freepik.com