Autor

Pellin - Lingerie

Escolhendo

Pellin faz parceria com Óptica Martinato para presentear clientes

A Óptica Martinato, em parceria com a Pellin Lingerie, está premiando 3 pessoas que irão ganhar um pijama para ficar juntinho com seu namorado(a)! Para isso, curta as nossas fanpages e instagram, compartilhe a promoção e marque seu amor e amigos nos comentários.

REGULAMENTO CAMPANHA

#fiqueemcasacomseuamor

A Óptica Martinato, localizada na Av. Júlio de Castilhos, 1867 – Centro – Caxias do Sul, sob CNPJ 88.614.243/0001-60, vai dar para 3 pessoas um pijama femininos ou masculino da Pellin Lingerie.
A promoção tem validade do dia 29/05/2020 até o dia 12/06/2020. A escolha dos ganhadores será de forma aleatória no dia 12/06/2019 e será divulgado nas mídias sociais.
Para concorrer basta curtir, compartilhar e marcar o Namorado(a) nos comentários nas mídias sociais da Martinato e da Pellin Lingerie. Marque quantos amigos quiser, só não vale nomes repetidos, perfis fakes, páginas empresariais ou famosas.
Os ganhadores deverão retirar o vale na Loja da Óptica Martinato, onde faremos a foto de divulgação, após poderá trocá-lo por Pijamas da Pellin na sua loja própria localizada na Rua Moreira César, 1328, no Bairro Pio X.
Esta campanha não tem a participação da empresa Facebook/Instagram. O Facebook/Instagram não tem qualquer ligação ou responsabilidade com o sorteio que será realizado nesta promoção.

Proteja sua saúde mental

Manter a saúde mental em dia nesse período de tantas restrições e de muita saudade pode ser algo complicado. Reunimos aqui algumas dicas para manter a sanidade e a calma durante o isolamento social. O importante é sabermos que tudo isso vai passar e que, colaborando com os processos de higiene e segurança, estaremos ajudando não somente a nós mesmos, mas toda a comunidade. Confira:

– Cuidado com o excesso de informações: tente não ficar conectado o tempo todo com as notícias. Se perceber que isso te deixa mal, dê um tempo. Filtre a qualidade e a quantidade das informações que recebe e, se possível, partilhe histórias positivas. É importante estar muito bem informado, sim, mas por meio de veículos de confiança e não alarmistas.

– Faça coisas que gosta: ouvir uma boa música, fazer um curso on-line, fazer aquela leitura que você está adiando, assistir aquela série ou filme que te recomendaram são sugestões.

– Aproveite para colocar coisas em ordem: arrumação de armário, organização de arquivos no computador e de e-mails ou cuidar das plantas da casa. Fazer isso pode ajudar a relaxar e ocupar a mente.

– Conecte-se com pessoas: tire uma parte do seu dia para conversar com outras pessoas on-line e interagir com os que estão na sua casa. Seja para falar sobre trabalho, estudo ou como está se sentindo. Não se isole e peça ajuda se precisar.

– Cuide do seu corpo: tente praticar exercícios físicos e se alimentar de forma saudável. Relaxar, meditar e fazer um alongamento fazem diferença na saúde física e mental.

– Pratique a resiliência: tente perceber o que pode aprender com tudo o que está passando, olhe a situação de forma realista sem entrar em pânico. Descubra qual o seu melhor jeito de passar por tudo e lembre-se que isso não irá durar para sempre.

– Tente estabelecer uma rotina: procure fazer coisas nos mesmos horários, criando uma rotina de trabalho e autocuidado. Isso ajudará o dia a acontecer de um jeito mais organizado e tranquilo.

 

 

 

 

 

Medical photo created by freepik – www.freepik.com

Pellin está fabricando máscaras de tecido

Não tem como fugir delas: as máscaras agora são itens essenciais. A orientação é o isolamento social, ficando em casa o máximo que puder, mas toda vez que for sair pra rua, seja para fazer compras, pagar as contas ou até levar o lixo na lixeira, as máscaras são obrigatórias.

A Pellin uniu sua experiência com tecidos e costura à atual necessidade de todos terem sua proteção, e tudo isso sem deixar o estilo de lado. Em tecidos lisos ou com diversas estampas, desde as mais simples até as mais divertidas, as máscaras da Pellin são confeccionadas com Barein Dry lavável, tecido com baixa porosidade. Isso proporciona uma barreira física mais eficaz e segura contra o coronavírus, levando em conta também o conforto.

Este material é o mais indicado por oferecer maior respirabilidade e alta resistência, além de ser reutilizável, com baixa retenção de umidade e de secagem rápida. Após o uso, basta lavar com água e sabão: deixe de molho nessa mistura por duas horas e depois lave normalmente. Depois que secar, passe ferro bem quente dos dois lados da máscara e pronto!

O diferencial das máscaras da Pellin é que são feitas com a mesma qualidade e o mesmo amor com que confeccionamos nossos pijamas, e também na diversidade de cores e estampas, principalmente para as crianças. É uma maneira de fazer esse momento complicado passar com mais leveza.

O modelos produzido pela Pellin é o retangular, com camada dupla de tecido. Elas estão à venda na Pellin Lingerie (Rua Moreira César, 1.328, Bairro Pio X), das 9h às 18h. O valor é R$ 10,00 cada. Informações pelo telefone (54) 3224.1783.

testes tecidos

Receita: Bolinho de arroz com mortadela

Esses dias em casa podem levar qualquer um à loucura, principalmente quem é responsável pelos cardápios. Não sabe mais o que inventar para sua família? Segura então essa dica de um lanche delicioso e baratinho. Confira a receita abaixo e também algumas dicas sobre o preparo e armazenamento. Pode até colocar a gurizada pra ajudar de tão fácil que é!

Ingredientes
1 xícara (chá) de arroz cozido
150 g de mortadela picada
2 dentes de alho
Raspas de um limão
2 ovos (um para a massa e um para empanar)
1 xícara (chá) de farinha de rosca (farelo de pão ou panko)
Salsinha e pimenta-do-reino a gosto

Modo de fazer
– Em um liquidificador ou processador, coloque um ovo, o arroz cozido, as raspas de limão e o alho. Bata usando a tecla pulsar para triturar todo o arroz.
– Transfira tudo para uma tigela e tempere com a pimenta e a salsinha. Adicione a mortadela e misture bem.
– Umedeça as mãos e modele bolinhas (de mais ou menos quatro centímetros de diâmetro). Assim que fizer todas as bolinhas, empane passando no ovo e na farinha de rosca.
– Frite em óleo bem quente ou asse em forno pré-aquecido a 250° C por 30 minutos ou até dourar.

DICAS
– Se a massa ficou muito seca, adicione um pouco de água e amasse bem para incorporar e formar uma massa mais maleável.
– Se a massa ficou muito mole, adicione um pouco de farinha de rosca ou trigo para dar o ponto de enrolar.
– Nessa receita foi utilizada mortadela, mas use os frios que tiver em casa.
– Para conseguir rechear você vai precisar de uma massa mais úmida, então faça como indicamos acima.
– Se não tiver farinha de rosca, pão ou panko, frite sem empanar. A única diferença é que a mortadela vai acabar dando uma queimadinha por fora.
– Assim que empanar seus bolinhos, acomode em uma forma untada e leve para o congelador. Assim que estiverem congelados, transfira para saquinhos. Eles podem ser guardados por, no máximo, três meses. Para fritar ou assar depois não é necessário descongelar.

 

 

 

Food photo created by prostooleh – www.freepik.com

Dicas financeiras pra enfrentar o momento atual

O atual cenário financeiro não é dos mais favoráveis, com indústria e comércio fechados ou voltando lentamente às atividades, sem contar os autônomos. Muitos profissionais estão impedidos de exercer seu trabalho de maneira normal, o que afeta nos rendimentos da casa. Confira algumas atitudes essenciais para manter a saúde financeira.

O primeiro passo é analisar as despesas e cortar gastos desnecessários, deixando crédito livre para gastos essenciais. Por isso, por mais que aquelas promoções pareçam imperdíveis, fazer muitos de parcelamentos de roupas e eletrônicos, por exemplo, não é o ideal em momento de crise. Ter crédito é algo que ajuda muito, mas é necessário utilizá-lo de maneira responsável e com muito planejamento.

Não faça estoques, compre apenas o necessário e compartilhe o que for possível. É hora de fazer uma economia colaborativa, ou seja: se você tem potes de álcool gel sobrando, compartilhe com o vizinho. Se você mora próximo de pessoas idosas, ofereça-se para ajudar nas compras do supermercado. O momento é de união, de ajudar o próximo, evitar fazer estoques e comprar só o que for preciso realmente. Isso é mais do que finanças, é empatia também.

Para os trabalhadores autônomos, a dica é negocie com os clientes o recebimento adiantado pelos serviços e vá remarcando as datas. Assim, você continua ganhando dinheiro para pagar as contas fixas e, quando a crise passar, você presta o serviço acordado.

 

 

 

Business photo created by jcomp – www.freepik.com

Cinco dicas Netflix: entretimento no isolamento

Reunimos aqui não uma nem duas mas CINCO sugestões super divertidas pra você não enlouquecer nesse período de isolamento social. Tem dica pra todos os gostos! Confira abaixo:

Para dar boas risadas: “Brooklyn 99”
Esta comédia sobre uma delegacia de polícia de Nova Iorque e seus detetives está atualmente em sua sétima temporada, mas na Netflix tem até a sexta. Cada temporada tem cerca de 22 episódios curtos, com pouco menos de 30 minutos: um prato cheio para quem gosta de maratonar.

– Para se emocionar: “La La Land – Cantando estações”
Indicado a 12 Oscars em 2017, o filme faturou cinco estatuetas e emocionou muita gente. A trama segue a vida do pianista de jazz Sebastian (Ryan Gosling) e da atriz iniciante Mia (Emma Stone), ambos perseguindo o sonho da fama e sucesso em Los Angeles e vivendo um romance arrebatador. Mas como nada na vida vem fácil, o relacionamento e a carreira dos dois passa por várias provações, provocando aquele aperto no coração da gente.

Para a gurizada: “O Chefinho – De volta aos negócios”
Essa série de animação é baseada no grande sucesso do cinema. Um esperto bebê conta com a ajuda de seu irmão mais velho para mergulhar em um universo repleto de aventuras. No entanto, esse pequeno chefinho que já assumiu grandes missões precisa agora conciliar sua carreira na corporação Baby com a vida pessoal.

Para ver com a família toda: “One day at the time”
Essa série comprova que nenhuma família é normal… mas que o amor é o que mantém todos unidos, fortes e, claro, divertindo-se bastante. É uma nova versão atualizadíssima de um clássico da TV americana sobre uma família de imigrantes cubanos, a mãe recém-divorciada e a avó careta criam uma adolescente e um pré-adolescente.

Para quem curte um suspense: “Não fale com estranhos”
Essa minissérie está super popular no momento na Netflix e quem assiste entende de cara logo o porquê. Repleta de mistério e reviravoltas, a história acompanha um pai de família que vê um segredo obscuro sobre sua esposa vir à tona e parte em busca da verdade não somente sobre ela, mas sim sobre todas as pessoas que têm algum nível de proximidade com sua vida.

 

 

 

 

Food photo created by freepik – www.freepik.com

Tire suas dúvidas sobre o Coronavírus

O Coronavírus veio com tudo para alterar de vez nossas rotinas. É preciso muito cuidado e trabalhar a paciência e a empatia para passar por essa provação. Não é preciso entrar em pânico, mas sim redobrar os cuidados com a higiene e manter-se distante por um tempo. Com o fato do tão importante isolamento social, é necessária maior cautela para não cair no papo de informações mentirosas que só atrapalham.

Como prevenir
A principal recomendação é lavar as mãos frequentemente com água e sabão e, se possível, finalizar com o uso de antisséptico à base de álcool gel 70%, principalmente após tossir ou espirrar, depois de cuidar de pessoas, após ir ao banheiro e antes e depois de comer. Ao tossir ou espirrar, cubra a boca e o nariz usando os braços ou lenço descartável. Evite usar as mãos e, se usar, lembre-se de higienizá-las em seguida. Utilize lenços descartáveis para assoar o nariz, jogando fora imediatamente e lave as mãos. Evite tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.

Isolamento social
Sabe por que é tão importante seguir as recomendações e ficar em casa? A transmissão ocorre pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo (como toque ou aperto de mão) e contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos. O pior: às vezes a pessoa têm o vírus mas não sintomas, então sem fazer ideia ela pode estar multiplicando o vírus. Quem desenvolver o vírus pode apresentar um quadro pode variar de leve a moderado, semelhante a uma gripe, alguns podendo ser mais graves, por exemplo, idosos e pessoas que possuem doenças crônicas, como asma e diabetes.

Pets
Foi comprovado que nossos bichinhos de estimação não transmitem nem desenvolvem esse vírus, então pode fazer carinho sem problema. Eles são ótimas companhias para os dias de quarentena e vão amar esse tempo a mais com seus tutores. Pode sair pra passear com a cachorrada, lembrando que a orientação de veterinários é que locais com aglomerações, como parques lotados, por exemplo, sejam evitados, e que o pelo e as patas sejam limpados. Ainda, a higienização das mãos com água e sabão ou álcool gel antes e depois de ter contato com os animais. Isso serve tanto para a proteção do bicho como para resguardar outras pessoas que convivem com ele. Se o tutor estiver com o vírus, além da higienização das mãos, é recomendada a utilização de luvas e máscaras.

Saúde mental
Em tempos de fake news, o desespero pode bater. Mantenha-se informado na medida do necessário, sempre por meio de fontes confiáveis e não vá atrás de fofoca de WhatsApp. Não repasse informação questionável. Avalie os conteúdos, quem escreveu e qual o veículo da imprensa publicou. Confie nas informações dos ministérios, das Organização Mundial de Saúde (OMS) e dos jornais sérios. Ainda, o isolamento pode ampliar a ansiedade e o estresse, por isso dê suporte aos outros, ligue aos seus amigos. Demonstre seu afeto com a sua generosidade e não com seus beijos e abraços. Respeite o outro.

 

 

 

 

Medical photo created by freepik – www.freepik.com

O estresse e o nosso corpo

Não é fácil assim nos dias de hoje se manter zen, super calmo e levando tudo na maior tranquilidade. Às vezes, o estresse vem mesmo com tudo. E, às vezes, a nossa personalidade é assim mesmo, com o pavio um pouco mais curtinho.

Porém, quem vive estressado precisa lembrar que tudo isso pode (e vai) ter volta: o corpo responde a tudo! Saiba mais sobre os efeitos que isso pode trazer ao seu corpo.

Imunidade baixa
O estresse libera um hormônio chamado cortisol, que causa fadiga e afeta a imunidade. Quando a pessoa está com um nível de estresse muito alto, fica doente constantemente.

Doenças de pele
Quando algo dentro do nosso corpo não anda bem, isso acaba se manifestando externamente. Quando estamos estressados durante um longo período, alguns sintomas começam aparecer. Na pele pode se manifestar através de placas vermelhas, eczemas ou até mesmo alergias.

Desequilíbrio de peso
A pessoa estressada pode perder e ganhar peso num curto espaço de tempo já que, em momentos em que o estresse está mais latente, hormônios como cortisol e adrenalina são liberados e influenciam diretamente na nossa vontade de comer.

Queda de cabelos
Sabia que ficar estressado afeta o nosso cabelo? Pois é, ele faz com que o curso natural sofra uma quebra, gerando uma queda considerável. Normalmente não é um sintoma que aparece rapidamente, podendo levar até três meses para se manifestar.

Problemas de estômago
O estresse gera uma elevação na quantidade de ácidos no estômago, podendo gerar enjoos, gastrite nervosa, vômitos e, em casos mais agudos, uma úlcera. Influencia também na desregulação do intestino.

Problemas de memória
Estar muito estressado faz com que nossa memória fique bastante fraca, pois ele eleva a quantidade dos chamados glicocorticóides no cérebro, dificultando a capacidade de guardar informações.

Dor de cabeça
O estresse contínuo provoca uma pressão nos ombros e no pescoço, levando ao estreitamento dos vasos sanguíneos e diminuindo a passagem do sangue que vai para o cérebro. Isso gera uma dor de cabeça muito forte e pode afetar também o sono, levando a pessoa a ter insônia.

 

 

 

 

Hand photo created by drobotdean – www.freepik.com

Dia Internacional da Mulher

Mulher merece parabéns todos os dias. Mulher deve ser valorizada todos os dias. Mulher deve ser respeitada todos os dias. Mesmo assim, quando chega o 8 de março, o Dia Internacional da Mulher, o mundo para pra olhar pra suas filhas com mais carinho e atenção.

Parabéns a todas mulheres não somente pelo seu dia especial, marcado no calendário, mas também por lutarem em todos os outros momentos para serem reconhecidas como um ser humano que importa. Que faz a diferença, sim. Que precisa que entendam (e, às vezes, até ela mesma precisa entender) que, mesmo com tanta injustiça, tanta desvalorização, tanto desrespeito, ainda assim ser mulher é motivo de andar com a cabeça erguida, tendo a certeza de que é importante da mesma forma que as outras pessoas.

Não importando cor, classe social, alcance econômico, bagagem emocional: todas as experiências na vida de uma mulher existem para que ela amadureça e tenha consciência de seu próprio corpo, sua própria personalidade, sua própria vida. Ser você mesma não tem preço que pague!

Segue como uma homenagem essa música cantada por Elba Ramalho.

 

 

 

 

 

Background photo created by halayalex – www.freepik.com

Volta às aulas

As férias foram ótimas mas agora é hora da gurizada voltar às aulas. Depois de tanto tempo de um rotina diferente, chegou o momento da escola ser o centro das atenções. Às vezes, o ritmo não retorna assim tão facilmente. Por isso, reunimos algumas dicas pra a galerinha – e a família toda, é claro – voltarem com tudo para a escola.

– É importante dizer que, apesar de todos os desafios, o ambiente escolar tem muito a construir para o crescimento dos pequenos. Na escola eles aprendem sobre independência, socialização.

– Converse sobre os medos da criança, deixando claro que todo o tempo a família está disposta a escutar os seus problemas e a ajudar a enfrentá-los.

– Tratar a escola como um ambiente agradável é um fator decisivo. Nunca se refira à escola como uma punição ou castigo. Sugerir recompensas, como passeios ou presentes decorrentes do ato de ir à escola ou estudar não deve existir.

– Durante as férias, dormimos e acordamos mais tarde, acostumando nosso corpo com essas pequenas mudanças. Uma boa dica é tentar ir para a cama mais cedo e também despertar mais cedo uns dias antes da volta definitiva à escola.

– Confira com a criança se a mochila dela está nos conformes, checando os materiais, como cadernos, lápis e livros, e também uniforme e utensílios como a lancheira.

– Se puder, vá até a escola no retorno às aulas e apresente o novo professor à criança. Um bom relacionamento com o professor é imprescindível para o bem-estar na escola. Caso não seja possível, no final do dia, sente-se com ele e pergunte sobre como, sobre a nova professora e sobre os novos colegas de sala.

– Tranquilize seu pequeno em relação aos novos conteúdos e matérias do novo ano. Deixe claro que você e o professor ou professora estarão presentes para ajudá-lo no que precisar, além de ler, junto com ele, as apostilas e livros didáticos.

– A leitura é uma ótima maneira de estimular os pequenos a lidarem com os próprios sentimentos e as mudanças que a entrada de um novo ano letivo pode trazer. Encontre exemplares que falem sobre inseguranças comuns da infância, por exemplo, ou outros títulos que sirvam de inspiração.

 

 

 

 

 

School photo created by pressfoto – www.freepik.com