Autoestima e segurança com cintas e calcinhas modeladoras

Mulherada que quer deixar a cintura mais definida ou dar aquela disfarçada na barriguinha já sabe onde buscar essa ajuda, não é mesmo? Na Pellin você encontra duas marcas que trazem produtos especiais para a autoestima da mulher. As cores são nude e preto, servindo para todos os gostos e necessidades. São ideais para usar por baixo de vestidos, calças e saias, sem marquinhas indesejáveis.

A Liz possui a linha Invisible Control, com bermuda e calcinha sem costura e de tecido duplo chamado Tecno 3D, com toque macio e super respirável. É uma microfibra inteligente com efeito antiodor. O tecido é fino e fresco, com 27% de Lycra Beauty. O efeito invisível que ele propõe é por ser compacto, disfarçando a celulite e a flacidez, além de não marcar a roupa. A bermuda tem o valor de R$ 77,90 e a calcinha, R$ 66,90.

calcinha-liz-invisible-control

A Pliè oferece diversos produtos, como a cinta pós-parto, no valor de R$ 119,90. Com abertura lateral e três regulagens, possui colchetes forrados que não entram em contato com a pele, além de ter alças reguláveis e removíveis. O tecido é duplo com compressão constante e tratamento hidrófilo, que não retém a transpiração.

Já o corset de alta compressão da Pliè reduz até 5 cm das suas medidas, além de melhorar a postura e oferecer melhor sustentação para a região lombar. Ele possui oito barbatanas de aço galvanizado, que conferem maior mobilidade e firmeza. O acabamento é feito com tecido duplo, o que dá maior compressão, além de também ter o tratamento hidrófilo. O valor é R$ 222,90.

Calcinhas modeladoras a Pliè também tem! Elas reduzem as medidas do abdômen, modelam e não marcam o bumbum. O acabamento é em tecido duplo, hidrófilo, e na cintura tem uma faixa dupla de silicone. O modelo mais fechado custa R$ 59,90, e a fio dental, R$ 69,90.

Passe na Pellin e confira todas essas opções: Rua Moreira César, 1.328, Bairro Pio X, em Caxias do Sul. O horário de funcionamento é de segunda-feira a sexta-feira, das 9h às 18h30 (sem fechar ao meio-dia) e no sábado, das 9h às 12h.

calcinha-plie-control calcinha-plie-fio-control cinta-plie-alta-compressaocinta-aberta

 

 

Designed by Freepik

Especial Outubro Rosa: Mitos

Informação é a melhor maneira de prevenção! Lembrando disso, aproveitamos que o Outubro Rosa esta aí e separamos alguns mitos que cercam o câncer de mama. Ainda, essa é uma das doenças que mais mata mulheres, no mundo todo e também no Brasil. A boa notícia é que, como diagnóstico precoce, a chance de cura chega a 95%. Confira abaixo algumas grandes mentiras sobre o câncer de mama:

O único sintoma é um caroço no seio.
Essa é a forma mais habitual de revelar o tumor, porém outros sintomas que podem surgir são edemas semelhantes à casca de laranja, irritação ou irregularidades na pele, dor, saída de algum tipo de secreção pelo mamilo, além de nódulos palpáveis na axila. No caso de qualquer alteração ou mudança nas mamas, procure imediatamente um médico.

Mamografia é só para idosas.
Ela é necessária – e garantida por lei – a partir dos 40 anos. Mulheres com histórico familiar de câncer de mama ou de ovários podem, sob orientação médica, realizar o exame ainda mais cedo.

Apenas mulheres com mais de 50 anos podem ter câncer de mama.
É raro desenvolver o câncer antes dessa idade, mas não dá pra esquecer que existem fatores como predisposição genética, obesidade ou tabagismo, entre outros, que podem colaborar com o surgimento em mulheres mais jovens.

A mulher que retira o tumor perde o seio.
Cirurgias de retirada de tumor fazem parte do tratamento, mas a tendência é preservar o máximo possível o tecido original, sempre respeitando a segurança da paciente. De qualquer forma, cirurgias plásticas de reconstrução da mama sempre podem ser uma opção.

Outros mitos comuns, mas que não possuem nenhuma evidência científica que os comprovem:
Prótese de silicone não estimula o aparecimento do câncer, nem antitranspirantes e desodorantes (nem roll on, nem spray ou aerosol)  ou sutiã apertado (com ou sem aro, com ou sem bojo, com alças largas ou finas)  favorecem o desenvolvimento do câncer de mama.

 

 

 

 

 
Designed by Freepik

Hábitos para o bem do seu coração

O coração é um dos nossos principais órgãos, responsável por mandar o sangue circular pelo corpo todo. Ele nos mantem vivos e também, de acordo com os poetas e românticos, concentra todo nosso amor e paixão. Que coisa linda esse coração, não é mesmo? Por isso, ele merece todos os cuidados possíveis para se manter forte e saudável. Confira algumas dicas de hábitos simples que podem colaborar com esse objetivo.

Modere o sal na comida: ele é o tempero mais utilizado e tem todo seu valor, mas segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) a quantidade máxima de sal recomendada por dia é de cinco gramas (uma colher de chá) e, veja bem, o brasileiro consome o dobro disso. Para evitar o excesso, prepare os alimentos com temperos naturais livres de sódio, como ervas finas, orégano, alho, pimenta e mostarda em pó.

Evite produtos industrializados e os embutidos: eles têm altas doses de sódio e gorduras. Por isso, sempre que puder, faça uma escolha mais natural. Verduras, legumes, cereais, oleaginosas, laticínios desnatados, azeites, óleos vegetais, peixes e carnes magras devem estar sempre presentes na alimentação. Leia os rótulos dos produtos que você consome com muita atenção e opte por alimentos com baixo teor de sódio.

Beba água: é sempre uma boa dica, não é verdade? Faz bem para o corpo todo. Então, na hora de praticar atividades físicas, nunca se esqueça de que é fundamental manter a hidratação em dia. Isso porque, com a transpiração, há o risco de desidratação e diminuição do volume de sangue.

Acalma esse coração: estresse e ansiedade do dia a dia liberam hormônios que promovem aumento da frequência cardíaca, constrição dos vasos e elevação da pressão arterial. Tente sempre que possível relaxar, meditar e fazer exercícios de respiração, na tentativa de controlar o estresse e redução da pressão arterial.

Menos carne vermelha e refrigerantes: não é preciso ser radical e excluir do cardápio, mas tente diminuir o consumo e procurar alternativas. A carne vermelha tem níveis altos de gordura saturada, que é um problema para o coração. Já a bebida contribui para o mau colesterol e a diabetes, já que pode contribuir para o desenvolvimento da obesidade, um fator de risco de problemas no coração.

De olho no açúcar: seguindo a lista das negativas, que tal diminuir também o consumo de açúcar? Em excesso, ele pode gerar doenças como a diabetes, um conhecido fator de risco para a saúde do coração.

Tchau pro cigarro: esse vício, além de tudo o que sabemos sobre problemas respiratórios, também está relacionado a doenças cardiovasculares e ao aumento da pressão arterial. O fumo pode piorar a constrição dos vasos, além de potencializar a chance do hipertenso sofrer um infarto.

 

 

 

 

 

 

People image created by Pressfoto – Freepik.com

Receita para celebrar a chegada de setembro

O mês de setembro chegou e, com ele, vem chegando a Primavera. A estação é a mais romântica, colorida e repleta de renovação. Porém, aqui no Sul o calorzinho continua fazendo falta, então a dica dessa receita é uma mistura do melhor dos dois mundos: as cores vibrantes da primavera e um toque para aquecer nosso corpo. Tudo isso, com muito sabor!

Confira abaixo a receita de creme de tomate. Ela é rapidinha (leva uns 15 minutos pra fazer) e rende quatro porções. Depois conta pra gente o que achou!

INGREDIENTES

Creme de Tomate
1 colher de sopa de azeite
1 dente de alho picado
1 cebola média picada
750 gramas de tomate maduro picados
1 cenoura pequena ralada finamente
1 e 1/2 xícara de chá de água fervente
Sal a gosto
250 gramas de requeijão tipo Catupiry

Pesto
2 dentes de alho picados
1 xícara de chá de folhas de manjericão limpas, secas e bem apertadas
1/2 xícara de chá de azeite
4 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
4 colheres de sopa de nozes picadas
Sal a gosto
MODO DE PREPARO

• Para fazer o creme de tomate, comece aquecendo o azeite em uma panela e refogue o alho e a cebola.
• Junte os tomates picados e a cenoura, acrescente a água fervente e cozinhe em fogo brando até os tomates desmancharem.
• Retire do fogo, bata tudo no liquidificador e tempere com sal. Volte com o creme para a panela e leve ao fogo alto até começar a ferver.
• Junte o requeijão e misture levemente, sem deixar que ele se desmanche.
• Sirva com três colheres de pesto na superfície do creme.
• Para fazer o pesto, bata o alho, as folhas de manjericão e o azeite no liquidificador até obter uma pasta. Acrescente o queijo e as nozes e bata com a tecla pulsar até a mistura ficar homogênea. Acerte o sal e está pronto.

 

 

 

 

 

 

 

Créditos: Dayan Daniel